top of page
  • EmiLou

UM DIA EM VENEZA, NA ITÁLIA

Aqui está o nosso roteiro de um dia para visitar a magnífica cidade flutuante de Veneza na Itália. Se você está se perguntando o que ver em um dia em Veneza, você veio ao lugar certo.


Veneza é uma das cidades mais singulares e belas do mundo. É um set de filmagem natural, a visão de um artista de como deve ser uma cidade na água.


Nenhum outro lugar é como Veneza, com suas passagens estreitas, fachadas em ruínas e canais reluzentes.


Veneza também não é apenas canais pitorescos. Condizente com um lugar elegantemente decadente que parece um sonho, é um lugar de sonho para os amantes da arte e da arquitetura. Tudo o que você vê é uma mistura de influências góticas, bizantinas, clássicas e renascentistas.


Não aconselhamos você a visitar Veneza somente por um dia, ainda assim, sabemos que nem sempre é possível para todo mundo ficar na cidade por mais tempo, então aproveitamos o roteiro que fizemos de 1 dia em Veneza saindo de Verona e iremos compartilhar neste post com vocês. Aproveitem!



Veneza é uma cidade muito compacta. É realmente uma cidade grande, não como uma cidade perfeitamente dita. Você pode atravessá-la em cerca de uma hora. Quase todas as principais atrações ficam a 20 minutos a pé da Ponte Rialto ou da Praça de São Marcos.


A maioria dos turistas se reúne na popular área de San Marco, onde você encontrará a Basílica de São Marcos e o Palácio Ducal.


Nós recomendamos visitar essas atrações populares de Veneza no meio da tarde, em vez de logo de manhã ou ao meio-dia. Curiosamente você encontrará menos turistas neste horários.


Além disso, mesmo com apenas 1 dia em Veneza, você vai querer explorar os outros bairros de Veneza, não apenas as atrações famosas. Um dos melhores “sites” de Veneza é a própria Veneza.


Roteiro de um dia em Veneza: o que ver em Veneza em um dia

Nós começamos o dia bem cedo de Verona, embarcando em um trem com destino a Veneza. A viagem de trem dura aproximadamente 1 hora e oferece uma paisagem encantadora durante o percurso. Ao chegar à estação de trem de Veneza Santa Lucia, você estará pronto para explorar essa cidade única.


Ao sair da estação de trem, você estará imediatamente na grandiosa Piazzale Roma. Atravesse a Ponte della Costituzione e entre na magnífica cidade de Veneza.


Dirija-se para a famosa Praça de São Marcos (Piazza San Marco), o coração de Veneza. Explore a praça e admire a Basílica de São Marcos (Basilica di San Marco) com sua incrível arquitetura bizantina. Consagrada em 1093, é uma das igrejas mais famosas do mundo.


Considere entrar na basílica para admirar seus mosaicos deslumbrantes (lembre-se de verificar as restrições de vestimenta e possíveis filas) e reserve seus ingressos com antecedência para não perder tempo na fila, lembre que voce só tem um dia em Venza.


A Basílica de São Marcos foi construída principalmente para abrigar as relíquias do evangelista São Marcos. Também serviu como capela privada do doge, o monarca constitucional da República de Veneza.


A igreja tem uma mistura única e eclética de estilos e materiais. Assim como Veneza não é como nenhuma outra cidade na Europa, a Basílica de São Marcos é como nenhuma outra igreja na Europa. Sua arte e arquitetura vêm do mundo bizantino.


Ao lado da basílica, você encontrará o Palácio Ducal (Palazzo Ducale). Faça um tour pelo palácio e mergulhe na história veneziana. Explore as salas magníficas e cruze a famosa Ponte dos Suspiros.



O Palazzo Ducale, é um dos marcos mais emblemáticos de Veneza. O edifício gótico-renascentista de mármore rosa e branco foi a residência oficial dos doges, que governaram Veneza por mais de 1.000 anos. O Palácio Ducal também tem a maior pintura a óleo do mundo, Il Paradiso, de Tintoretto. Domina o Grande Conselho, que é o salão principal do palácio.


Você precisará pré-reservar seus ingressos.


Depois siga em frente por um dos melhores passeios da Itália - da Praça de São Marcos à Ponte Rialto. Se você caminhar entre o Campanile de Sa


n Marco e o Palácio Ducal em direção à água, você se encontrará na Riva degli Schiavoni. Pare lá para admirar o belo calçadão à beira-mar de Veneza.


Em seguida, ziguezagueie pelas ruelas de Veneza em direção à área de Rialto. A rota interior é mais divertida e menos movimentada do que caminhar ao longo do Grande Canal. Você passará por ruas estreitas com lindas lojas e butiques. A caminhada leva de 30 a 45 minutos.


Nas ruelas de San Marco, você encontrará o magnífico Palazzo Contarini del Bovolo. É um palácio do século 15 com uma escala impressionante ou escada em espiral. É feito de tijolo e mármore e sobe pela lateral do palácio. Lá do alto da torre você pode ver Veneza de cima.


Um outro ótimo lugar para ver Veneza de cima é do Fondaco dei Tedeschi. É um espaço comercial de luxo (como se fosse uma loja de departamento) perto da Ponte Rialto com terraço na cobertura. Esse terraço oferece as melhores vistas de Veneza.


O terraço é gratuito. Mas você precisa reservar um intervalo de 15 minutos para entrar.


Depois de apreciar as vistas do terraço, passeie pela Ponte Rialto. É uma das pontes mais famosas do mundo. A Ponte Rialto conecta os sestieri (bairros) de San Marco e San Polo. Houve uma ponte lá durante a maior parte da história de Veneza.


A atual Ponte Rialto foi construída entre 1588-91 por um arquiteto obscuro chamado Antonio de Ponte. Ele venceu Michelangelo, que também apresentou um projeto para a competição. No século XV, lojas foram adicionadas à ponte, inspiradas na Ponte Vecchio de Florença.


Em seguida, atravesse a Ponte Rialto e vá até o bairro de San Polo, em Veneza. Este distrito é um labirinto pitoresco de ruas estreitas. É menos turística que as áreas de San Marco e Rialto.


Você encontrará igrejas históricas, belos canais e lojas de artesanato. Este é um bom lugar para comprar lembranças e muito mais barato que o Rialto e também para almoçar. Nós almoçamos por lá, mas infelizmente não lembramos do nome do restaurante.


Em seguida, nos embarcamos em um passeio de gôndola pelos canais venezianos. Sente-se e relaxe enquanto o gondoleiro conduz você por ruas estreitas e belas paisagens aquáticas. Aprecie a atmosfera única de Veneza enquanto passa por pontes encantadoras e edifícios históricos.


Passear de gôndola é uma experiência que tem que ser feita! Você experimenta Veneza a partir de suas vias navegáveis ​​e ninguém está bloqueando sua visão.


Os preços são oficiais para passeios de 30 a 60 minutos. Portanto, não se preocupe em negociar. As gôndolas comportam até seis pessoas e fica mais em conta dividir com outras pessoas.


Continue explorando Veneza caminhando pelas ruas de Veneza, descobrindo suas praças escondidas e becos pitorescos. Perca-se nos encantadores bairros de Cannaregio, Dorsoduro ou Santa Croce. Nós recomendamos explorar Dorsoduro, porque além de ser adorável, o bairro está repleto dos melhores museus de Veneza. Se você é um amante da arte, escolha um destes três museus:

  1. Galleria dell'Accademia

  2. Museu Peggy Guggenheim.

  3. Ca' Rezzonico.

Você só terá tempo para um. Por isso faça sua pesquisa antes de ir para Veneza.


Para aproveitar ao máximo seu tempo em Veneza, desfrute de um jantar à beira de um dos canais. Muitos restaurantes oferecem mesas ao ar livre, onde você pode saborear pratos deliciosos enquanto observa a vida veneziana passar.


Após o jantar, aproveite para fazer uma caminhada noturna pelos canais e praças, apreciando a atmosfera romântica e misteriosa de Veneza à noite.


Antes de retornar a Verona, não deixe de experimentar um tradicional gelato veneziano em uma das sorveterias locais (leia o post completo de Verona aqui).


CONCLUSÃO: Para explorar os principais marcos de Veneza, um dia em Veneza é suficiente sim. Mas será um pouquinho apressado, com certeza. Você não terá tempo de visitar todos os magníficos palácios, igrejas e museus em um dia em Veneza. Mas você pode conferir as atrações turísticas populares sem nenhum problema e ter uma noção da magia que é Veneza. Em geral, achamos que 2 a 3 dias em Veneza é mais ideal.


Detalhes de como ir de trem de Verona para Veneza, siga estas etapas:

  1. Verifique os horários dos trens: Consulte o site da empresa ferroviária italiana Trenitalia ou verifique os horários e a disponibilidade dos trens entre Verona e Veneza no site Trainline. Certifique-se de selecionar a estação de partida em Verona e a estação de chegada em Veneza Santa Lucia.

  2. Escolha o tipo de trem: Existem diferentes tipos de trens, como Regionale, Regionale Veloce, Frecciabianca e Frecciarossa. Os trens Frecciarossa são os mais rápidos e confortáveis, mas também podem ser mais caros. Os trens Regionale são mais lentos, mas geralmente têm tarifas mais acessíveis.

  3. Compre as passagens: Após escolher o horário e o tipo de trem, compre os bilhetes. Você pode comprá-los online pelo site da Trenitalia ou nos guichês de bilhetes nas estações de trem.

  4. Dirija-se à estação de Verona, que pode ser Verona Porta Nuova ou Verona Porta Vescovo, dependendo do tipo de trem e do serviço escolhido. Certifique-se de chegar à estação com tempo suficiente antes do horário de partida. Do centro histórico de Verona a estação Verona Porta Nuova dá mais ou menos uns 15 minutos.

  5. Verifique o número da plataforma e localize o seu trem na estação. Verifique se você está embarcando no trem correto, pois pode haver mais de um trem para Veneza.

  6. Aproveite a viagem: Durante o trajeto de aproximadamente 1 hora entre Verona e Veneza, desfrute das belas paisagens italianas.

Lembre-se de verificar os horários de retorno de Veneza a Verona, pois o último trem para Verona geralmente parte antes da meia-noite. É recomendável reservar as passagens de trem com antecedência, especialmente durante períodos de alta temporada, para garantir disponibilidade e melhores preços.


Se você gostou das dicas, aproveita e segue também a gente no Instagram @emiloudaybyday
Assim você poderá acompanhar todas as nossas viagens em tempo real!
Confira também nosso canal no YouTube EmiLou Day by Day

Comments


bottom of page