top of page
  • EmiLou

Cabo da Roca | Viagem de 1 dia saindo de Lisboa

Atualizado: 31 de jul. de 2023

O ponto onde a terra acaba e o mar começa. Imortalizado nas famosas palavras do maior poeta português, Luís Vaz de Camões, o Cabo da Roca impressiona quem o visita.


O maior e mais imponente de todos os miradouros de Lisboa não está em Lisboa. Mais especificamente, o miradouro onde a natureza revela o seu verdadeiro poder não é em Lisboa. Situa-se entre Cascais e Sintra e obriga o visitante a percorrer uma das estradas mais bonitas da região. A subida lenta e sinuosa não sugere a magnitude da vista do ponto mais ocidental da Europa continental. O Cabo da Roca, na serra de Sintra, combina a calmaria e as intempéries num só lugar; uma área ampla e aberta onde a terra cai abruptamente no mar a partir de suas falésias de 140 metros de altura. Pode comprar souvenirs, mas são as fotos e a maresia pura que vão sempre lembrar a potência do Atlântico. O farol de 1772 ainda guia com segurança as embarcações que navegam ao longo da costa portuguesa.


Portugal tem uma longa costa ladeada por praias e, entre elas, pode encontrar muitas falésias que se projetam para o Atlântico. O Cabo da Roca é um desses lugares. Um grande penhasco sobre o mar com um farol belíssimo!


Ondas quebrando, costões rochosos e falésias varridas pelo vento, o Cabo da Roca preenche todos os requisitos, com um bônus adicional - é o ponto mais ocidental da Europa continental. Por um tempo, isso foi considerado o fim do mundo, e você entenderá o porquê, pois não há nada além de água por quilômetros à frente.


Hoje todos sabem o que há além da Europa, mas nem sempre foi assim para os exploradores Portugueses, que acreditavam que o Cabo da Roca era o fim do mundo.


Quem pode culpá-los? Portugal fica à beira do Atlântico, então, de certa forma, este é o lugar onde a terra acaba e o mar começa. Estas são as mesmas palavras que o poeta português Camões escolheu para descrever o Cabo da Roca—“aqui…onde a terra se acaba…e o mar começa.”


Embora não seja o fim do mundo, ainda é o último pedaço da Europa continental e merece uma visita.


Cabo da Roca: o fim do mundo

Hoje todos sabem o que há além da Europa, mas nem sempre foi assim para os exploradores portugueses, que acreditavam que o Cabo da Roca era o fim do mundo.


Quem pode culpá-los? Portugal fica à beira do Atlântico, então, de certa forma, este é o lugar onde a terra acaba e o mar começa. Estas são as mesmas palavras que o poeta português Camões escolheu para descrever o Cabo da Roca—“aqui…onde a terra se acaba…e o mar começa.”


Embora não seja o fim do mundo, ainda é o último pedaço da Europa continental e merece uma visita.


O que fazer no Cabo da Roca

Embora não seja um dos lugares mais atrativos para os turistas, nós recomendamos um passeio, especialmente para os amantes de geografia. Aqui estão seis coisas que recomendamos fazer na sua visita ao Cabo da Roca:


1. Aprecie a vista para o mar

Situado sobre a serra de Sintra, o Cabo da Roca é um incrível miradouro natural. A partir daqui, você pode capturar as ondas batendo contra os penhascos escarpados e as pequenas praias escondidas entre eles. Você pode realmente visitar algumas dessas praias, mas chegaremos a isso em um segundo. Antes de sair do Cabo da Roca, não deixe de seguir os trilhos ao longo da falésia para captar diferentes perspetivas.


A única desvantagem de estar tão perto do Atlântico são os ventos fortes. Tenha cuidado ao explorar e evite ficar muito perto da borda


Cabo da Roca: o fim do mundo

Hoje todos sabem o que há além da Europa, mas nem sempre foi assim para os exploradores portugueses, que acreditavam que o Cabo da Roca era o fim do mundo.


Quem pode culpá-los? Portugal fica à beira do Atlântico, então, de certa forma, este é o lugar onde a terra acaba e o mar começa. Estas são as mesmas palavras que o poeta português Camões escolheu para descrever o Cabo da Roca—“aqui…onde a terra se acaba…e o mar começa.”


Embora não seja o fim do mundo, ainda é o último pedaço da Europa continental e merece uma visita.


2. Aprecie o Farol do Cabo da Roca

Por entre os verdes campos do Cabo da Roca, encontra um colorido farol vermelho e branco. Concluído em 1772, é um dos faróis mais antigos da costa portuguesa. Fica a 165 metros acima do nível do mar e sua luz pode ser vista a até 48 quilômetros de distância. Actualmente, existem três faroleiros responsáveis por auxiliar as navegações entre o Cabo da Roca e a Ericeira.


Há oportunidades pontuais de visitas ao farol, mas é preciso consultar o Núcleo Museológico da Direção de Faróis com antecedência.




3. Leia o poema Cabo da Roca

Siga para o lado esquerdo do promontório e pare para ver o monumento de pedra. Gravado nesta pedra está um pequeno poema do famoso escritor português Camões. Está escrito em português, mas traduz-se como “aqui…onde a terra acaba e o mar começa…” Além do poema, a pedra inclui ainda as coordenadas do Cabo da Roca, a sua altitude ao nível do mar e o rótulo do ponto mais ocidental da Europa continente.


4. Visite o posto de turismo

Para recordar a sua passagem pelo Cabo da Roca, pode adquirir uma lembrança no posto de turismo. É um certificado manuscrito com o seu nome atestando que você esteve no ponto mais ocidental da Europa. Custa 11€, e também existe uma versão em Braille por 4,50€.

Claro, você não precisa obter o certificado, mas ainda vale a pena vir aqui se quiser pedir recomendações de coisas para ver nas proximidades ou se precisar de ajuda para voltar à cidade.


5. Explore as praias ao redor do Cabo da Roca

Existem algumas praias escondidas perto do Cabo da Roca que podem ser alcançadas a pé. À esquerda, a Praia do Louriçal, e à direita, a Praia da Ursa. A Praia do Louriçal é uma praia de calhau rolado, cujo acesso é feito através de um trilho pedestre a partir do Cabo da Roca. O último trecho da trilha é bem íngreme, então tem uma corda para te ajudar a descer. A caminhada até a Praia da Ursa também é um pouco desafiadora, mas sua recompensa é um trecho de areia isolado.


Tenha cuidado ao caminhar pelas trilhas e certifique-se de usar calçados adequados para caminhadas!


6. Faça uma caminhada pelo Parque Natural de Sintra

Localizado no Parque Natural de Sintra, o Cabo da Roca é um bom ponto de partida/fim para uma caminhada, se quiser aproveitar o dia. Sugerimos uma caminhada a partir de Sintra, para que você possa explorar alguns monumentos da cidade e chegar ao Cabo da Roca para ver o pôr do sol, depois pegar o ônibus de volta. A caminhada de Sintra até o Cabo da Roca leva cerca de 4 horas, mas você poderá explorar mais a região dessa maneira.


Vale a pena o Cabo da Roca?

Sim! As vistas são incríveis, e há poucos lugares como este no mundo. Além disso, você tem praias deslumbrantes nas proximidades e trilhas desafiadoras. Se está a planear vir ao Cabo da Roca, sugerimos combinar a sua visita com uma passagem por Cascais ou Sintra. A primeira é uma pequena cidade litorânea, enquanto Sintra é famosa principalmente por seus palácios e atrações históricas.


Como chegar ao Cabo da Roca

O Cabo da Roca está a poucos quilômetros de Cascais e Sintra, e a melhor forma de chegar ao Cabo da Roca é de carro. No entanto, também é possível pegar transporte público ou táxi ou fazer um tour. Abaixo estão algumas dicas sobre como viajar de Lisboa, Sintra ou Cascais para o Cabo da Roca:


  • Lisboa ao Cabo da Roca

Se vier de Lisboa, pode apanhar um comboio para Sintra no Rossio ou Oriente ou para Cascais no Cais do Sodré e seguir as indicações para cada cidade abaixo. Para bilhetes de comboio, recomendamos que compre um cartão Zapping na bilheteira/máquina e carregue-o com 5€ ou 4€ se puder. Com este cartão, as viagens de comboio custam 1,90€ em vez de 2,25€. Além disso, pode utilizar o cartão para qualquer transporte dentro da rede de Lisboa (comboio, autocarro, metro, barco).

  • Sintra para Cabo da Roca

Pode apanhar o autocarro 403 da estação ferroviária de Sintra até ao Cabo da Roca. A viagem dura cerca de 40 minutos e os bilhetes custam € 3,35 cada trecho. Você pode comprar as passagens diretamente com o motorista. Existe ainda um bilhete turístico diário por 15€ que pode utilizar em todos os ônibus da Scotturb. É uma boa opção se quiser combinar o passeio de um dia ao Cabo da Roca com um passeio pelos monumentos de Sintra.


Um táxi de Sintra para o Cabo da Roca custa cerca de € 25 só de ida e a viagem leva cerca de 30 minutos.



  • Cascais ao Cabo da Roca

Assim que chegar a Cascais, terá de ultrapassar as barreiras e depois virar à direita para sair da estação de comboios. Você verá um shopping à sua direita chamado Cascais Villa, e há um terminal de ônibus embaixo dele. Vá até lá e procure o ponto de ônibus 403. O bilhete daqui também custa 3,35€, mas a viagem até ao Cabo da Roca demora um pouco menos a partir de Cascais, cerca de 22 minutos.


Um táxi de Cascais para o Cabo da Roca custa em média 20€.


Se for de carro, pode estacionar no Cabo da Roca gratuitamente.



Se você gostou das dicas, aproveita e segue também a gente no Instagram @emiloudaybyday
Assim você poderá acompanhar todas as nossas viagens em tempo real!
Confira também nosso canal no YouTube EmiLou Day by Day

Comments


bottom of page